Site Overlay

Ações da Smartfit sobem mais de 28% em dia de estreia na bolsa

As ações da Smartfit (SMFT3), primeira rede fitness a entrar na bolsa, avançam fortemente em dia de estreia na B3. Às 10h49, a companhia chegava a registrar alta de 28,69% – em relação ao preço de R$ 23 por ação definido para abertura de capital (IPO, na sigla em inglês) – negociada a R$ 29,60. A cotação é a máxima registrada nesta quarta-feira (14).

A oferta da companhia foi 100% primária, o que significa que todos os recursos levantados no IPO foram destinados para o caixa. A operação movimentou R$ 2,3 bilhões, com a venda de 100 milhões de papéis.

Do total arrecadado, 0,1% vão para a abertura de novas unidades, 14,1% vão para aquisições estratégicas, como foram Queima Diária e Just Fit no passado, 10,8% destinados para a compra das ações da SmartEXP, empresa da qual a Smart Fit é controladora e 5% serão direcionados para o desenvolvimento e fortalecimento do seu ecossistema.

Veja também

  • Tudo sobre os 2 primeiros fundos de fundos do Nubank
  • Investidor qualificado: o que é, quem pode ser e como se tornar um
  • Taxação de dividendos fica, FIIs seguem isentos: mudanças na reforma tributária
  • Gestora de criptoativos Hashdex lança ETF 100% de bitcoin
  • Tudo sobre o USTK11, novo ETF de big techs que chega à B3 no final de julho