Site Overlay

Banco Inter lidera altas do Ibovespa; construtoras caem

O Ibovespa, principal índice da B3, abriu o pregão desta quinta-feira em queda, com as ações do Banco Inter liderando as altas após encerraram a véspera em forte queda. Petrobras tinha leve valorização, enquanto a mineradora Vale e as siderúrgicas CSN e Usiminas recuavam. As construtoras MRV e Cyrela também operavam com perdas após saltaram no pregão de terça-feira. Quem também caía era a CCR, após venda de participação de 14,86% da Andrade Gutierrez na companhia.

Banco Inter

Após cair 4,42% no pregão da véspera e ficar com pior desempenho do Ibovespa, por volta das 11h, o Banco Inter (BIDI11) subia 7,46%, negociado a R$ 68,95 – a principal alta do Ibovespa.

Petrobras

A Petrobras (PETR4) operava perto da estabilidade com alta de 0,22%, negociada a R$ 27,79. A estatal comunicou na véspera a assinatura de contrato para venda da refinaria Isaac Sabbá (Reman), localizada no estado do Amazonas, para a Atem’s Distribuidora. O valor da transação é de US$ 189,5 milhões.

CSN e Usiminas

As CSN (CSNA3) tinha leve desvalorização de 0,11%, para R$ 37,68. Enquanto Usiminas (USIM5) caía 0,95% ao preço de R$ 17,75. Na terça-feira, as empresas encerraram o pregão com forte avanço impactadas pelo aumento nos preços das commodities, mas passaram a devolver a alta no pregão de ontem.

Cyrela e MRV

As construtoras Cyrela (CYRE3) e MRV (MRVE3) estavam entre as principais quedas do Ibovespa, depois de avanços fortes na última terça-feira, quando o Bradesco BBI escolheu, em seu relatório de início de cobertura, a Cyrela como a top pick (preferida) entre as construtoras de renda média-alta do Brasil, o que impactou nas demais empresas do setor. Por volta das 11h, a Cyrela caía 2,50%, para R$ 20,68, enquando MRV recuava 2,14%, para R$ 13,28.

CCR

O grupo de concessões de infraestrutura CCR (CCRO3) recuava 1,11%, para R$ 12,52. A companhia informou que a Macquarie Asset Management e a gestora IG4 Capital fecharam um acordo para adquirir participação de 14,86% da Andrade Gutierrez na companhia. A Macquarie e a IG4 vão pagar até R$ 5 bilhões pela participação. Após a operação, a IG4 Transport passará a integrar o bloco de controle da CCR.

Veja também