Site Overlay

Com está sua saúde financeira? Novo índice da Febraban dá a resposta

A Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) lançou nesta segunda-feira (19) o Índice de Saúde Financeira do Brasileiro (I-SFB), que permite que todos os cidadãos com vida financeira ativa possam fazer um diagnóstico para identificar vulnerabilidades e a partir destas planejar estratégias de educação financeira.

A ferramenta conta com um questionário anônimo e gratuito, disponível no site indice.febraban.org.br.

Para identificar como está a sua saúde financeira será necessário responder algumas questões. O índice está composto por 18 perguntas, 15 delas são obrigatórias e as três restantes são opcionais mas ajudam a ter um olhar abrangente sobre a situação financeira.

Entre os pontos avaliados pelo questionário estão: capacidade de cumprir obrigações financeiras correntes; saber tomar boas decisões financeiras; ter disciplina e autocontrole para cumprir objetivos; se sentir seguro sobre o futuro financeiro e ter liberdade de fazer escolhas para aproveitar a vida.

Após finalizar o teste, o índice vai calcular uma pontuação que vai de 0 a 100. Com esse resultado, a pessoa conseguirá entender em que nível de saúde financeira está. O índice também entrega uma classificação que vai de ruim a ótima.

Além de conhecer a sua realidade financeira, o índice também permite comparar esta com a média brasileira, utilizando parâmetros de idade, faixa de renda, região, educação e estado civil.

imagem19-07-2021-17-07-15Comparador Febraban

Situação do Brasileiro

A pesquisa para a criação do índice contou com entrevistas a diversos brasileiros, de todas as classes socioeconômicas e nas cinco regiões do país.

De acordo com o levantamento, o índice médio de saúde financeira do brasileiro adulto é de 57 pontos. Em uma escala que vai de 0 a 100.

Considerando a média de 57 pontos, se a nota for inferior existe muito estresse financeiro. Já quando o índice sobe, este estresse é trocado por uma sensação de bem-estar financeiro.

De acordo com a pesquisa:

  • 8,1% dos brasileiros estão em uma situação financeira ótima, com suas finanças proporcionando segurança e liberdade financeira.
  • 19,2% estão em uma situação muito boa, mantendo as contas em dia mas ainda precisam construir patrimônio.
  • 14,3% dos brasileiros estão em uma situação boa, com finanças estabilizadas mas sem recursos sobrando no final do mês.
  • 10,1% estão em um patamar OK, com equilíbrio financeiro no limite.
  • 15,6% estão com a saúde financeira baixa, com sinais de desequilíbrio e risco de estresse financeiro.
  • 21,1% estão com a saúde financeira muito baixa e o risco de atingir uma situação insustentável.
  • 11,6% estão com a saúde financeira ruim, vivendo estresse e desorganização financeira.

Segundo a Febraban, as respostas apontam que os brasileiros lutam por uma vida financeira estruturada para fechar as contas do mês e ter reservas de emergência. Os entrevistados também apontaram a necessidade de mais informações sobre como lidar com o próprio dinheiro e afirmaram ter insegurança em relação ao futuro.

De acordo com o estudo, os brasileiros pesquisados pagam suas contas mas vivem no limite entre renda e gastos. Para muitos não sobra dinheiro no fim do mês e muitos se estressam com compromissos financeiros.

Poucos brasileiros se sentem capazes de identificar um bom investimento ou não sabem buscar orientação.

A maioria dos entrevistados admite que não tem o futuro garantido, mas acredita que se souber lidar melhor com o dinheiro aproveitariam mais a vida.