Site Overlay

Ibovespa sobe no último pregão do ano, mas deve fechar 2021 em baixa de 11%

O Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, opera em alta nesta quinta-feira (30), no último pregão do ano, depois de encerrar dois dias de negociações no vermelho. No entanto, o índice caminha para encerrar o ano com uma queda acumulada de mais de 11%. Já o dólar opera em queda sobre o real.

Por volta das 14h08, o Ibovespa subia 0,89%, aos 105.038 pontos.

Cenário

Lá fora, os investidores seguem de olho no noticiário em torno da variante ômicron do coronavírus e dados de auxílio-desemprego dos Estados Unidos abaixo do esperado. Enquanto isso, no Brasil, os agentes repercutem dados fiscais melhores do que o esperado.

O setor público consolidado brasileiro registrou um superávit primário de R$ 15 bilhões em novembro, informou o Banco Central mais cedo, enquanto a dívida líquida do país ficou em 57% do Produto Interno Bruto (PIB). Em pesquisa Reuters, a expectativa era de superávit primário de R$ 4,775 bilhões no mês e relação dívida/PIB de 57,8%.

A manhã também começou movimentada com o anúncio de que o presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que institui o Auxílio Brasil, programa social que substitui o Bolsa Família, mas que vetou o trecho que previa a inclusão automática no programa de todas as famílias elegíveis para receber o benefício.

Na prática, o dispositivo rejeitado por Bolsonaro tinha como objetivo acabar com a fila de espera pelo benefício, atendendo, portanto, todas as famílias que cumprissem os requisitos exigidos.

Segundo o governo, a proposição contraria o interesse público, pois “alteraria a natureza da despesa do programa de transferência de renda do governo federal e acarretaria, consequentemente, a ampliação das despesas”.

Bolsonaro também vetou o artigo que trazia metas para a redução de taxas de pobreza no país para os próximos três anos.

Destaques da bolsa

Méliuz e Locaweb estavam entre as maiores altas do Ibovespa, em dia positivo também para ações de varejistas. Já SulAmérica (SULA11) subia após companhia fechar acordo para aquisição de 100% do capital social da Sompo Saúde.

Bolsas mundiais

Wall Street

O Dow atingiu uma máxima histórica logo após a abertura dos mercados nesta quinta-feira, estendendo um rali recorde, já que a queda nos pedidos semanais de auxílio-desemprego nos Estados Unidos mostrou que ainda não houve impacto do aumento das infecções por coronavírus no emprego.

O Dow Jones Industrial Average subia 0,09%, a 36.522,48 pontos, logo após a abertura. O S&P 500 tinha variação positiva de 0,02%, a 4.794,23 pontos, enquanto o Nasdaq Composite recuava 0,05%, a 15.758,98 pontos.

( * Com informações da Reuters)

Veja também