Site Overlay

Lucro do BB Seguridade cai 23,2% no 2º tri; empresa pagará dividendos no dia 23

O BB Seguridade (BBSE3) registrou no segundo trimestre de 2021 uma queda de 23,2% no lucro líquido ajustado, para R$ 753,7 milhões, ante os R$ 981,8 milhões reportados no mesmo intervalo do ano passado.

No semestre, o lucro líquido foi de R$ 1,7 bilhão, queda de 7,2%, ante a quantia de R$ 1,8 bilhão contabilizada entre abril e junho de 2020.

Em relatório de resultados, a companhia informou que, embora o resultado da BB Corretora tenha apresentado forte crescimento em relação ao mesmo período de 2020 (avanço de 14,9% na comparação anual), o agravamento da crise sanitária e a volatilidade do resultado financeiro impactaram negativamente os números das demais operações – Brasilrev, Brasilseg e Brasilcap – que obtiveram quedas.

Entre abril e junho, o resultado financeiro consolidado da companhia ficou negativo em R$ 101,7  milhões, explicado, segundo a BB Seguridade, pelo descasamento temporal e de indexadores na atualização dos ativos e passivos dos planos de benefício definido  da Brasilprev.

“Enquanto os ativos foram atualizados majoritariamente pelo IGP-M (+6,3%) e pelo IPCA (+1,7%) acumulados entre abril e junho, os passivos dos planos de benefício definidos foram atualizados em grande parte pelo IGP-M ,acumulado entre março e maio (+8,8%), considerando o descasamento temporal médio de um mês na atualização das reservas”, disse a companhia em relatório.

Dividendos

O BB Seguridade também comunicou o pagamento dos dividendos intercalares, referentes ao resultado do primeiro semestre de 2021, no valor total de R$ 1,04 bilhão, o que corresponde a R$ 0,5208 por ação. De acordo com a empresa os valores serão adicionados aos dividendos prescritos referentes ao segundo semestre de 2017.

Os proventos serão pagos no dia 23 de agosto de 2021 e terão como base a posição acionária de 11 de agosto de 2021.

As ações passam a ser negociadas ex-dividendos a partir de 12 de agosto de 2021.

Veja também